Tenho um potro de 6 meses e ele ainda está mamando. Quando eu devo separá-lo da mãe e como eu devo fazer para alimentar esse potrinho. E a mãe, também precisa de alimentação especial?

Publicado: 27 de julho de 2011 em PERGUNTAS E RESPOSTAS
Tags:, , , ,

 

O estresse induzido pelo desmame aumenta a concentração plasmática (no sangue) de cortisol e diminui a resposta imune mediada por células nos potros por até 40 horas e nas éguas por 24 a 34 horas após o desmame. Esses efeitos do estresse diminui o consumo alimentar e a taxa de crescimento e aumentam a suscetibilidade a doenças infecciosas úlceras gástricas e ao risco de uma lesão autoinduzida. Dependendo do grau de estresse e da enfermidade, os potros podem levar várias semanas para se recuperar e começar a render bem. As éguas apresentam geralmente menos problemas psicológicos no período do desmame que os potros, no entanto, algumas éguas sofrem um alto grau de estresse.

Para minimizar o estresse do desmame assegure que o potro se encontre em boa saúde, esteja preferivelmente acostumado ao manejo e comendo alimento sólido. Devem-se realizar todas as vacinações, vermifugações e cirurgias eletivas para correções de hérnias umbilicais e deformidades angulares (patologias mais comuns) com pelo menos 2 semanas antes do desmame e não se deve fazer isso por pelo menos 2 semanas após o desmame.

Antes do desmame, o potro deve comer 1/2Kg de ração de desmame/dia/mês de idade, bem como de forragem. Recomenda-se isto, mesmo que os estudos mostrem que contrariamente a crença comum, a alimentação de desmame não aumenta a quantidade de mistura de grãos ingerida ou de ganho de peso após o desmame. Não altere o alimento, água ou mesmo o ambiente que o potro está acostumado.

Embora os potros sejam freqüentemente desmamados com cinco à sete meses de idade, o desmame mais precoce oferece várias vantagens. No caso de um desmame mais precoce, exige-se menos alimento para a égua permitindo que ela se prepare por mais tempo para o seu próprio potro. O desmame mais precoce permite à algumas éguas  o retorno ao trabalho ou mesmo reprodução mais cedo e as que podem de outra forma apresentar um anestro induzido pela lactação. O desmame precoce parece não ter nenhum efeito prejudicial no potro, desde que sejam fornecidos alimentos sólidos próprios para tal.

No caso da maioria das éguas bem alimentadas, normais e dos potros que estejam comendo uma ração apropriada, esse desmame pode ser feito a partir dos 4 meses de idade .

Existem muitos métodos de desmame de potros, o menos estressante e de mais sucesso são aqueles que acontecem quando o potro permanece em um lugar seguro e familiar. Podemos remover do rebanho uma ou duas éguas com potros mais velhos, deixando seus potros com as outras éguas e potros com os quais os potros estavam convivendo. Deve-se remover as éguas rápida  e completamente preferivelmente quando os potros se encontram ocupados com alguma outra coisa, deforma a reduzir o estresse. As éguas devem ser colocadas em áreas completamente fora da visão e da audição dos potros. Depois de vários dias, ou a medida que os outros potros atinjam a idade de desmame desejada podemos remover outras éguas. O desmame termina em média após uma ou duas semanas de separação.

A égua recém desmamada em boas condições, deve ser levada para um pasto bom e tratada como as outras éguas estéreis ou no início da prenhez. No entanto se a égua for magra, depois da lactação parar, constitui um bom momento para se oferecer fenos e ração suficiente para aumentar o seu peso corporal e sua condição para pelo menos moderada e preferivelmente moderadamente gorducha. Isso potencializará a sua eficiência reprodutiva permitindo que ela entre no próximo ciclo de prenhez/ lactação com depósitos energéticos adequados.

About these ads
comentários
  1. walter de oliveira medeiros disse:

    quero comprar um potro, ele esta com com 6 meses, gostaria de saber se pode ser transportado em cima de uma caminhonete toda preparada com uma gaiola do Rio Grande do Sul até Rio de Janeiro (interior) , e se puder de quantas e quantas horas devo parar para alimenta-lo, ou posso ir direto ou qual seria sua sugestão. espero sua resposta.
    obrigado
    walter

    • jjvet disse:

      Boa noite Walter.
      Que bom que poderei dissertar sobre esse assunto. Digo isto pois a sua duvida me permitirá esclarecer este assunto a várias pessoas.
      Um primeiro empecilho a sua viagem será as leis vigentes que impedem o transporte de equídeos desta forma. Em outras palavras, muitos o fazem porém correrá o risco de apreensão do carro e do animal até apresentar um transporte em baú fechado ou trailler de 2 eixos.
      Deixando de lado as leis de trânsito, o transporte em caminhonete com gaiola além de causar um estress severo ao potro, poderá levar a uma doença conhecida como pneumonia dos transportes, por exemplo ,muito comum em transportes de American Troters da Argentina para o Brasil em caminhões abertos (boiadeiros) ou mesmo baús fechados, porém sem os devidos intervalos de paradas.
      O que pode ocorrer com seu potro é justamente isso, uma queda de resistência e posterior pneumonia. A qual pode ser, na grande maioria as vezes, fatal.
      O que fazer? Bom, primeiro encontrar um bom caminhão baú, depois observar os intervalos de parada a cada 600km no Max.
      Assim evita a queda da resistência e posterior pneumonia.
      Espero tê-lo ajudado.

  2. zeca febronio disse:

    COMO FAZER RAÇAO CASEIRA

    • jjvet disse:

      Não recomendo! Por vários motivos:
      1- custo
      2- erro de formulações
      3- inadequação de matéria prima
      Entre outros….
      Uma ração comercial proverá as suas necessidades a um custo baixo.
      Uma mini fabrica de racoes para cavalos só é viável em casos de populações grandes.

    • jjvet disse:

      Não recomendo. Por dois motivos: custo elevado e desbalanço de nutrientes. Rações comerciais são melhores e mais baratas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s